Dia Sem Compras


Divagante:: [Envio] Caminhos by D. Graça
fevereiro 23, 2012, 11:38 pm
Filed under: Sem categoria

Cada movimento meu me leva ao abismo. Estou caminhando, mano. Experimentando novos rumos solitários, insistindo na idéia de que devo manter-me dinâmico, vivo, movimentando o corpo, sem perder o fio. Mas vez ou outra me vejo perecendo, sentindo o frio, sentindo a falta, sendo a todo tempo, existindo dentro e fora do tempo, a todo o tempo, superacumulado de meus sentidos e atinos. Falhando em minhas passagens, me injuriando com iniciativas faltosas, ineficientes, equivocadas. Mas sigo… passo a passo.

Tenho pouco tempo – Respiro ar pesado de verdade, meio perdido e muito livre, para ser o que eu quiser, para estar onde eu quiser. Os apertos me consolam, logo que vejo que adentrei um portal de caverna imensa, cheia de renovados mistérios, sutis uivos de leveza, pesadelos e prazeres. Sutis! Falta sutileza (falta demais) nessa época tão hostil, tão repulsiva para com o que se sente e que não pode ser visto. Pego fôlego para não sufocar, quando penso que construí um mundo tão severo e incompreensivo – tão voltado ao próprio umbigo. Vou indo, satisfeito e “livre”, apesar de tudo.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: